A FPF reuniu-se,ontem, por teleconferência, com as associações distritais e regionais para análise do impacto da pandemia COVID-19 no futebol sénior não-profissional.
A FPF entende que continuam a não estar reunidas as condições de saúde pública para que clubes com estruturas amadoras, como é próprio das provas em que participam, possam treinar e competir em segurança.
Por outro lado, vigora em Portugal o Estado de Emergência, pelo menos, até ao dia 17 de Abril, sendo possível a sua prorrogação.
Estas circunstâncias impedem o normal decurso das competições, sendo imprevisível antever quando e se tais condições de saúde pública estarão reunidas ainda durante esta época desportiva.
Assim, a Direção da FPF entendeu dar por concluídas, sem vencedores, todas as suas competições seniores que se encontram nesta data suspensas, não sendo atribuídos títulos nem aplicado o regime de subidas e descidas.
Assim sendo o Mineiro Aljustrelense vai manter se no Campeonato de Portugal.
A Castrense procurou ouvir o presidente da equipa tricolor o que não nos foi possível.