“A situação que todos, individual e coletivamente, enfrentamos decorrente da pandemia da Covid-19 tem impedido a normal atividade de clubes com estruturas amadoras e totalmente voluntárias, como é a da SRD Entradense. Por razões de salvaguarda da saúde dos nossos atletas, técnicos e dirigentes, desde o dia 10 de Março que a nossa equipa de futebol tem estado com a atividade suspensa” pode ler-se na Nota à Imprensa.
Recorde-se que a Fundação INATEL suspendeu o Campeonato de Beja quando faltavam apenas quatro jornadas para a conclusão da fase regular.
A direcção da SRD Entradense, entende, e fez chegar a sua posição à Fundação INATEL e à Delegação Distrital do INATEL que “um eventual regresso à competição não nos parece aconselhável ou sequer plausível, ainda mais tendo em conta que todos os campeonatos nacionais e distritais em Portugal (com exceção da Liga NOS/ 1ª Liga) já foram dados como concluídos pelas respetivas entidades organizadoras. Posto isto, a direcção da SRD Entradense “defende que o mesmo deve acontecer no Campeonato do INATEL de Beja de 2019-2020, ou seja, o cancelamento imediato da competição sem a atribuição do respectivo título” defende o presidente da direcção, Carlos Pinto.